A importância da usabilidade no desenvolvimento do produto

office-932926_1920Mais do que ter um software que faça tudo e mais alguma coisa é importante que este 1) satisfaça as reais necessidades do utilizador e 2) tenha um interface fácil de usar e de aprender.

O Business Analytics conversou com Sheila Crosby e com Lisa Everdyke, respectivamente Principal User Experience Designer e Senior User Experience Designer no SAS, sobre as várias fases de desenvolvimento de um produto e a importância de ter em conta factores como a experiência de utilização, esquema de cores, postura…etc.

As duas especialistas estarão, no dia 10 de Novembro, no SAS Fórum Portugal 2015, onde farão algumas demonstrações e poderão responder a dúvidas específicas dos utilizadores do SAS.

Como vê a evolução do design de conteúdos em aplicações e ferramentas de software, tendo em conta que o termo “Visualização de Dados” tem mais importância agora do que nunca?

Para o SAS e para os nossos designers, pela experiência que detemos junto do cliente, a visualização de dados é uma componente essencial e, nesse sentido, esforçamo-nos por incorporá-la nos nossos produtos de diferentes e inovadoras maneiras. No entanto, o objectivo de todos os nossos esforços de design mantêm-se no desenvolvimento de software que seja ainda mais fácil de usar, para que os clientes possam transformar os seus dados, em respostas mais rápidas e eficazes às questões de negócios mais importantes.

A visualização aumenta a compreensão dos dados, aumenta a exibição de dados tabulares, e graficamente clarifica o fluxo de modelos e fluxos de trabalho em ferramentas de autoria do SAS.

A fim de desenvolver e desenhar novos produtos, quais são os principais aspectos que têm que ter em consideração, quando se pensa em dar ao utilizador final a melhor experiência de utilização?

A equipe de design do SAS deve constantemente equilibrar as necessidades técnicas dos utilizadores que gostam de codificação e programação com aqueles que preferem, simplesmente de “arrastar e soltar”. Temos também de atender às necessidades de uma ampla variedade de utilizadores de negócios, que vão desde os executivos e engenheiros até aos profissionais de marketing e gestores de risco. E servimos uma série de indústrias em todo o mundo, desde a banca, governo, indústria, retalho, energia, saúde, entre outros.

Independentemente das características técnicas, da função ou da indústria, os clientes do SAS procuram transformar dados brutos em informações e dados confidenciais (intelligence), sobre os quais irão agir. Para atender às necessidades deste público diversificado, a experiência da equipe de projecto de Utilizador (UX) do SAS, também é diversificada, incluindo profissionais de usabilidade, designers visuais e especialistas em acessibilidade.

À medida que adoptamos novas tecnologias e experimentarmos novas técnicas, a equipe SAS UX está melhor habilitada a criar soluções mais eficientes e adaptáveis ​​a uma variedade de métodos de apresentação, que ajudarão os nossos diversos clientes a encontrar as respostas que precisam, mais rápida e facilmente.

Quando projectam novos produtos que tipo de pesquisas precisam de fazer? Consideram itens como: postura humana, esquema de cores, orientação do olho?

Como parte do nosso processo de design centrado no Utilizador, os projectistas SAS UX empregam uma variedade de métodos de pesquisa para influenciar a direcção de futuros lançamentos de produtos. Na sede mundial do SAS, em Cary, na Carolina do Norte (EUA), temos um laboratório de usabilidade state-of-the-art, onde trazemos especialistas de uma variedade de áreas de produtos. Esta pesquisa no local é complementada com pesquisa de campo em curso, onde equipas de designers viajam pelo mundo para entrevistar os Utilizadores finais sobre as suas experiências de produtos actuais e visualizar conceitos futuros – É por essa mesma razão que vamos estar no dia 10 de Novembro em Lisboa, no SAS Fórum Portugal. Os designers testam tudo, desde a organização complexa de recursos do produto às paletes de cores do nosso próximo tema visual. Além disso, os designers SAS UX usam pesquisas online e as Comunidades de suporte do SAS para saber, em primeira mão, o que os Utilizadores esperam dos produtos do SAS.

Sabemos que o design do interface de utilizador requer um bom entendimento das necessidades do utilizador. O que podem esperar os utilizadores SAS da vossa presença no Fórum SAS Portugal 2015?

O nosso objectivo, como membros da Equipa de Design SAS-Experiência do Utilizador (UX), é participar no Fórum SAS Portugal para reunirmos feedback dos participantes sobre a versão actual do SAS® Visual Analytics. Vamos também partilhar conceitos em customização de temas e tentar perceber o que os utilizadores portugueses gostariam de ver em futuras evoluções de produtos SAS.

 

Sheila Crosby

Sheila Crosby
Principal User Experience Designer

Lisa Everdyke

Lisa Everdyke
Senior User Experience Designer

 

 

 

 

Deixar uma resposta