Analíticas descobrem o Paraíso

Chama-se Paradise Found, ou o Paraíso, como preferirem, e resulta de uma análise analítica de 57 estudos sobre cidades, 4 serviços de social media, 1.060 serviços de dados internacionais e 3 serviços de geodados online, que resultaram em 69 critérios por localização, em 8 dimensões distintas (segurança e infra-estruturas; educação e carreira; família; natureza; saúde; cultura; custo de vida; e restaurantes e shopping). No total foram analisadas mais de 148 mil cidades.

O estudo foi ontem apresentado, por Ricardo Pires Silva, Executive Director do SAS Portugal, em Lisboa, aquando do evento “Innovate with Analytics – Making AI Business-Smart”.

O ponto de partida do estudo foi o de não ter ideias preconcebidas. O de analisar toda a informação disponível, utilizando ferramentas analíticas e de deep learning, tornando-o um estudo sem intervenção humana. De uma forma simplista o objectivo foi o de fazer uma abordagem integrada de um problema analítico. E o resultado foi surpreendente. Se está curioso e tenciona visitar o Paraíso encontrado pelo estudo nas suas próximas férias prepare-se para uma viagem longa. É que fica no outro lado do mundo, mais precisamente na Austrália. Segundo o Paraise Found e as ferramentas analíticas, o melhor local, do planeta, para viver fica em West Perth.

Curiosamente, revelou Ricardo Pires Silva, a cidade não ficou em primeiro lugar em nenhuma das oito dimensões analisadas. Mas… e isto sim, foi determinante para a classificação, é a metrópole com mais metros quadrados de área verde, a cidade com maior número de auto-milionários, está rodeada por 19 praias e é a cidade com mais horas de sol.

Mas, mais do que apenas dar resposta a um problema analítico, o objectivo do Paradise Found foi o de poder proporcionar respostas cada um, democratizando o acesso a ferramentas analíticas. Por outras palavras, cada pessoa tem a sua própria definição de paraíso, dependendo a importância que dá a cada uma das oito dimensões. E o descobrir o paraíso é agora muito mais fácil. Basta ir ao configurador, definir os parâmetros e automaticamente o sistema revela onde fica o paraíso de cada um. Sem grandes cálculos (visíveis) e de forma automática.

Esta é a prova cabal de que a tecnologia pode ser usada de forma prática e simples, dando resposta até a perguntas que inicialmente as pessoas não sabiam que tinham. E que é possível, de forma simples, automática e sem necessidade de conhecimentos técnicos, dar resposta a problemas complexos.

Dito isto… já sabe onde fica o seu paraíso?

Para saber mais sobre o projecto Paradise Found e configurar os parâmetros de modo a descobrir O Seu Paraíso basta consultar o configurador no site oficial.

Deixar uma resposta